domingo, 17 de agosto de 2008

Um final de semana Brasileiro

Neste final de semana conhecemos duas famílias de Brasileiros que estão conhecendo Calgary pela primeira vez. Um dos casais foi a Eliane e o Paulo, que vieram com as duas filhas para morar - casal aplicado, já estão bem antenados na cidade e até GPS já tem. O churrasquinho foi muito bem, e a gente tem que aproveitar o lado de fora enquanto ainda dá. A Eliane lê o blog com frequência e também tirou sarro da véia safada! Aliás amanhã eu vou lá na Budget pagar os 315 dólares da franquia do seguro.

E no Domingo recebemos um outro casal, de Lorena (São Paulo), o Cláudio e a Adriana, que "nos conheciam" pelos blogs e me mandaram um E-Mail dizendo que chegaram à cidade (para um programa de intercâmbio) e que gostariam de dicas de lugares para passear, parques, etc... Eles vieram até em casa e a gente resolveu mostrar um pouco da cidade com o carro do vizinho (a gente também conheceu alguns lugares novos, como a área que deve ser perto do parque Bowness, já que o parque em si a gente não conseguiu achar).

Depois fomos levar eles em casa, em uma das comunidades novas da cidade, Taradale, onde 27.8% da população é formada por imigrantes (aqui em Killarney 16.3% da população é formada por imigrantes), e as casas são todas single family detached homes, mas bem menores que a da foto da Wikipedia. Foi bom para passear (e também para salvar uma hora de transporte público para os dois), e qualquer desculpa para usar o carro do vizinho, a gente está indo.

...

Essas comunidades mais novas são engraçadas, as casas (e as ruas) são todas bem parecidas e fica tudo com uma cara um pouco mais "impessoal". Outra coisa estranha é que só tem calçada de um lado da rua. Eu estava até lendo em algum lugar que um dos problemas das comunidades novas é que não existem muitas opções de lazer a pé, normalmente o carro tem que ser usado para tudo (como se Calgary fosse o óasis dos caminhantes). Outra coisa engraçada é que lá a renda média mensal de cada família é de 58.309 dólares, enquanto aqui em Killarney, que teoricamente é um bairro mais caro, a renda média é de 46.548 dólares. Acho que deve ser porque em Killarney existem muitos estudantes e, como se sabe, estudante não ganha quase nada.

...

Foi bom conhecer gente nova e rever os amigos antigos. A gente ainda tentou ligar para o Kb.Lo mas acho que ele não estava em casa. Devia ter ido para a balada.

...

Eu recebi um outro E-Mail de uma leitora do blog de London, Ontário, a Cláudia Sasse, que resolveu compartilhar a história dela e mandou umas fotos da família (ela é casada com um Canadense e tem uma filha pequena, de nove anos, que já não fala mais a língua de Camões - mudou para Shakespeare). Eu e a Soraya achamos ótima a idéia dela se apresentar!

...

Nossa, que coisa. Eu falando de leitores do blog. É bom para encher um pouco o meu ego. O Kb.Lo quando ler isso vai escrever um comentário dizendo "deixa de ser bicha"! Poxa, Kb.Lo, você precisa criar um blog para eu poder te xingar também. Para que servem os amigos?

...

Acho que já compramos tudo que tínhamos para levar para o Brasil. Pai, avisa as meninas que elas finalmente vão ganhar os MP3's. Tenho que comprar mais uma lembrancinha para minha mãe, um bottom com a folha do Canadá, e uma camiseta para uma amiga da Soraya. Aí acabou. Segunda-feira, dia 25, eles vão pegar o avião. Demorou, mas chegou.

...

Três pontinhos

...

Acabou de cair uma chuva de verão em Calgary. Amanhã a temperatura será de 34 graus. Acho que vai ser o último dia de 34 graus deste verão. Este é o extremo máximo. O extremo mínimo é -35 graus. Digamos que o extremo mínimo dá um significado melhor para a palavra "extremo". A chuva de hoje foi precedida de raios, bem próximos de casa, daqueles que fazem parecer que alguém tirou uma foto com flash a dois metros de você. No comecinho da chuva veio o granizo, coisa comum por estas bandas. Foi bom para molhar a grama que mais estava parecendo um capim seco.

...

Estou escrevendo no fantástico ritmo de 10 palavras por minuto. Pouco. Estou com sono. Não sei bem, mas eu acho que consigo dar conta de umas 50 palavras por minuto escrevendo no ritmo de um esquilo eletrificado. Acho que é hora de ir tirar uma soneca.

...

Fui

.. (dois pontinhos só para ser diferente)

Fui!!!

4 comentários:

Pinguinland disse...

Olha o Ravisao ficando famoso!! rsrs Todo mundo fala do seu blog!! Essa veia safada tambem ficou famosa! kkkkk

Bowness (o bairro) eh bem diferente e feinho, nao? O parque eh legal - movimentado, nja que descobrimosd que eh o ponto de partida de mmuuuuuitos para descer o Bow River de bote.

Valeu pelo churras que tava bem bao!!


Ceci

Anônimo disse...

oi,
acho seu blog ilário!!!
bom, achei o polenguinho da vaca!!
obrigada.
Scheila

Anônimo disse...

Oi Ravi,

Que bom que voces gostaram do meu e-mail...
Nao aguentava mais ser uma leitora "invisivel"ehehehee.
Ja passei no blog da Soraya para dar um oi tambem...opss, agora so da eu por aqui...eheheeh.

Abracao e boa semana de calor,

Claudia de London/Ontario.

Ravi disse...

Cecília:

Sabe que eu até gostei do fato do Bowness ser tão perto dos parques e tudo mais? O bairro não tem uma fama tão boa, mas é melhor do que o Forest Lawn (outro bairro que não tem uma fama tão boa), pelo menos o Bowness tem o rio e os parques. E uma bela de uma área verde!

Scheila:

Bom aquele queijinho, né? Obrigado pelo elogio ao blog!

Cláudia:

A gente gostou bastante do seu E-Mail, foi bem legal você ter deixado de ser "invisível"! Ontem foi o recorde absoluto de calor em Calgary, 33.4 graus, superando o recorde anterior de 1919.

Abraços, Ravi.