sábado, 8 de março de 2008

Tirando pó

Não dá para escrever muito sobre o Brasil porque todo mundo já conhece. Mas tem umas coisinhas interessantes que eu reparei agora, de qualquer jeito:

. Tá quente que dá dor nos dente da frente da gente;
. O trânsito aqui é caótico comparado ao trânsito de Calgary, para começar, a gente não tem um monte de moto por lá;
. E aqui não se para na faixa, nas duas vezes em que eu parei quase que batem na minha traseira;
. Se o pessoal do Canadá viesse pra cá e tivesse que dirigir eles iam ficar com a quantidade de jaywalkers (pessoas que atravessam fora da faixa ou com o semáforo aberto). Eu me senti estranho sendo o único a esperar a luz abrir quando todos os outros já tinham corrido para atravessar uma rua;
. Aqui se come bem;
. A pizza daqui é REALMENTE muito melhor que a do Canadá. Não era frescura;
. Aqui tem doce de leite com ameixa e Catupiry;
. Nestes oito meses algumas coisas foram reformadas - os banheiros de um shopping que eu costumava ir, um ou outro posto de gasolina, fecharam um bar em que eu ia toda hora, e poraí vai;
. É um pouco estranho ver as casas aqui todas amuradas. Em Calgary as casas normalmente não tem muro - mas é legal ver mais casas por metro quadrado e ruas movimentadas. Acho que se em Calgary moram 50 famílias por quadra, aqui moram 300. Sem exagero - Santos é uma ilha e a densidade populacional dos bairros mais próximos à praia é bem alta, tal o número de prédios que foram construídos aqui (e tão fazendo mais);
. Fiquei pensando que eles podiam construir estacionamentos subterrâneos na orla da praia (já que estacionar na praia é praticamente impossível no verão). Mas aí eu lembrei que o solo aqui é mais úmido que feijão só com caldo e não rolaria cavar um buraco na beira da praia;
. E agora eu vou lá ver Telecine.

Fui!!!

Terça-feira de manhã estou de volta à Calgary.

Um comentário:

Denis e Luciana disse...

Olá! Veja só, descobrimos seu blog a pouco tempo e só agora vimos que vcs estão/ vieram à Santos. Nós somos de Santos e estamos indo para o Canadá. Demos entrada no processo federal esse mês, temos uma longa jornada ainda...
Bem, é isso.
Abraço